Blog

ÚLTIMOS ARTIGOS DE NOSSO BLOG

Projeto REDE ESCOLA RIO realiza primeira oficina-passeio do ano para professores da rede pública municipal do Rio (2015)

30/03/2015, Escrito por 0 Comentários

Discussão teórica sobre fotografia

O REDE ESCOLA RIO, iniciativa que comemora os 450 anos do Rio oferecendo oficinas multimídia para escolas municipais, realizou na sexta-feira, dia 20/03, na Praça Paris, Glória, a primeira oficina-passeio do ano junto a professores de 7 escolas municipais de várias regiões da cidade.

O RER, concebido pela produtora Juliana de Carvalho e realizado pela Bang Filmes & Produções, com patrocínio da Prefeitura do Rio de Janeiro, através da Secretaria Municipal de Cultura /Lei de incentivo a Cultura - ISS, e Lojas Americanas, Americanas.com, Estácio e HOPE Serviços, é executado em cinco módulos, cada um deles inspirado em uma das cinco tonalidades descritas na série “As Cores do Rio”, que aborda, em livros e exposições, diferentes aspectos da Cidade Maravilhosa. No primeiro dos módulos, O RIO QUE É VERDE, que se estende até junho de 2015, o projeto  reúne estudantes e educadores para explorar a importância de áreas verdes em seus bairros e comunidades, expressando em vídeos suas ideias sobre o tema, seus benefícios e desafios.

O encontro na Praça Paris foi comandado pela fotógrafa, jornalista e cineasta Bete Bullara, que propôs ações lúdicas e práticas para os cerca de 20 professores que participaram da oficina, que será replicada por eles em suas escolas.“Estamos propondo exercícios que trabalhem a sensibilidade fotográfica nos professores e façam com que eles possam sair do micro para o macro da fotografia. No evento de hoje focamos nas texturas, paisagens e pessoas. Afinal de nada adianta ter um equipamento de última geração e não ter o olhar apurado”, destacou  Bete, que apresentou ainda aos alunos textos do fotógrafo francês Henri Cartier-Bresson e do antropólogo Darcy Ribeiro.

Participante da oficina fazendo uma foto

Para  Juliana de Carvalho, “o projeto é um investimento na criatividade artística e na capacidade dos estudantes e educadores cariocas de construir uma cidade sustentável, define a produtora, que se prepara para lançar no segundo semestre o documentário “São Sebastião do Rio de Janeiro – a formação de uma cidade”, com depoimentos de celebridades como Ruy Castro, Nei Lopes, entre outros, e que faz parte do projeto “As Cores do Rio”.

Comentando as fotos produzidas

Felicia Krumholz, coordenadora da equipe educativa do projeto, destacou importância da formação dos professores como replicadores junto aos alunos: “Desenvolver um outro olhar mais sensível para levar às crianças faz toda a diferença”.  Felicia é também curadora da Mostra Geração, segmento infanto-juvenil do Festival do Rio.

Fotos de divulgação: Marcia Monjardim Penna

Galeria

Comentários

Deixe seu comentário

* Apenas usuários cadastrados e logados podem postar comentários
(Faça seu login ou clique aqui para se cadastrar)